Pular para o conteúdo

Blog

Qual a importância de uma boa esfoliação da pele?

Beleza - 02/11

Por que a esfoliação da pele é importante?

 

A esfoliação é um dos passos recorrentes das rotinas de cuidados diários com a pele. Saiba mais sobre o porque ela é importante e quais os cuidados relacionados a essa prática no texto abaixo!

 

A busca pela renovação da pele é constante por aqueles que buscam uma aparência mais jovem e uniforme. Uma das formas em que é possível estimular essa renovação é através da esfoliação. Esfoliar a pele, de forma geral, é o processo de remoção das células mortas da pele. As células, quando morrem, se acumulam na superfície da pele e, se não forem retiradas de lá, podem ocasionar o entupimento dos poros, manchas, falta de brilho e vivacidade.

 

A esfoliação, com esse poder de retirar a camada de células mortas, melhora a aparência e ainda melhora também a absorção dos produtos para a pele utilizados na rotina de cuidados.

 

Como é feita a esfoliação da pele?

Utilizando algum produto que já tenha potencial esfoliante (como esferas de esfoliação ou ingredientes arenosos – açúcar, aveia entre outros), fazendo movimentos circulares e vigorosos para realmente ir tirando as células mortas da pele. Não é recomendado que seja feita mais de três vezes por semana já que é um procedimento mais abrasivo. É importante conhecer seu tipo de pele antes de prosseguir com a esfoliação. Por isso, uma consulta com um dermatologista pode ser importante para quem queira incorporar a esfoliação em sua rotina.

 

Esfoliação exagerada também não é bom, pois pode causar o chamado efeito rebote. Ele consiste em retirar muito a oleosidade da pele com esfoliação, por exemplo, e a pele produzir mais oleosidade para suprir essa retirada. Portanto, equilíbrio e conhecimento de suas necessidades são a chave para o sucesso da esfoliação.

 

É preciso sempre tomar cuidado quando se fala em esfoliação. Por ser um procedimento mais intensivo, nem sempre é recomendado que se faça sozinho ou sem uma orientação profissional.

 

Esfoliação química e física, qual a diferença?

O tipo de esfoliação que foi descrita acima é uma esfoliação física, ou seja, usa os movimentos circulares e agentes esfoliantes para, mecanicamente, ir retirando as células mortas e impurezas com o atrito gerado.

 

Já a esfoliação química usa ácidos e enzimas para retirar as células mortas do rosto. Não é necessário nenhum movimento, pois o próprio produto já é responsável pela retirada das impurezas. A esfoliação química pode ser um pouco mais agressiva, dependendo do tipo de substância que for usada. Portanto, é muito importante que a aplicação seja feita por profissionais especializados, que saibam indicar o que será melhor para sua pele.

 

Esfoliação corporal

Não é só o rosto que se beneficia de uma esfoliação. Esfoliar o corpo todo tem inúmeras vantagens, além das que já conhecemos. No corpo, a prática pode ajudar na melhora da aparência das estrias, maciez da pele e até retirar aquela sensação de ressecamento dos cotovelos e joelhos.

 

No corpo, também vale a dupla de esfoliação química e física, sendo que o dermatologista ou profissional especializado poderá indicar qual a melhor abordagem para cada caso e cada objetivo.

 

Quer saber mais sobre esfoliação, as diferentes formas e produtos disponíveis? Agende uma avaliação gratuita aqui na Wishes!

 

 

Cadastre-se para receber as novidades:

Agende sua avaliação gratuita

Mensagem enviada
com sucesso!


Obrigado por se cadastrar para uma avaliação.

Em breve retornaremos seu contato.

Chamar no WhatsApp